top of page
  • Foto do escritorPará Comunica

Com longa estrada na música paraense, Alcir Meireles se dedica à carreira solo

São 39 anos atuando ativamente na cultura musical paraense

O cantor, produtor musical e instrumentista Alcir Meireles, que há 39 anos trabalha no cenário da música paraense, segue na dedicação à carreira solo, cantando clássicos da música paraense em linguagem eletrônica. O astro, que já produziu e tocou com grandes nomes paraenses, é referência musical no Pará.


Flauta transversal e piano aplicado à música popular, foram os primeiros instrumentos que Alvir Meireles aprendeu quando começou a estudar música, na UFPA, em 1982. Depois disso, navegou por vários estilos musicais como erudito, fazendo parte do Conservatório Carlos Gomes, Jazz, integrando o “Mini Paulo Quarteto Jazz”, MPB, participando da Orquestra de Música Popular Brasileira, regida pelo maestro Roberto Gnatalli (Belém e Curitiba), e muitas outras grandes participações.


Antes da carreira solo, Alcir Meireles gravou um CD tocando flauta transversal, com o renomado Violonista Sebastião Tapajós, denominado “Chôros e Valsas” e produziu um CD, lançado em 2020, do cantor e compositor Fabricio dos Anjos, com participação de renomados cantores nacionais como: Beto Guedes, Lô Borges e Vitor Ramil.


Proprietário do “Solares Studio”, Arranjador e Produtor Musical de shows, CDs e DVDs, Alcir Meireles assinou trabalhos como Fabrício dos Anjos (CD), Fruta Quente (CD), Lia Sophia (CD) e muitos outros.


Para saber mais sobre o artista, acesse @alcirmeireles nas redes sociais.

Comments


bottom of page