top of page
  • Foto do escritorPará Comunica

Existe limite de idade para procedimentos estéticos?

O cirurgião plástico Antonio Pitanguy comenta sobre os riscos das intervenções em pessoas mais velhas


Crédito da foto: Assessoria de imprensa

Todos os dias surgem novas tecnologias no mundo da estética, sejam elas em intervenções cirúrgicas ou não, acabam se tornando o desejo de grande parte da população. Mesmo com o objetivo de melhorar a autoestima e trazer o bem-estar, esses procedimentos ainda geram dúvidas, como por exemplo, os riscos de sua realização em pessoas mais velhas.


“Os protocolos de segurança são atualizados constantemente, por isso é de extrema importância a escolha de um profissional qualificado e certificado, que fará uma avaliação completa para desenvolver um plano com os procedimentos que são realmente necessários utilizando a técnica mais adequada para o paciente”, explica o cirurgião plástico Antonio Pitanguy.


A avaliação é uma etapa muito importante na hora de realizar algum procedimento, pois é preciso entender o objetivo do paciente para que as técnicas sejam utilizadas de uma forma que traga resultados positivos. “Muitas vezes as pessoas se encantam o que está na moda, mas se esquecem que os efeitos e resultados podem variar e gerar uma frustração”, complementa o cirurgião.


Segundo o especialista a intervenção pode ter impactos na vida social das pessoas.“Os procedimentos estéticos podem sim ser realizados por pessoas mais velhas, com um estudo para a construção de um plano estratégico que traga os efeitos desejados com durabilidade e sem impactos na saúde. O resultado eleva a autoestima e transforma a vida do paciente”, explica Antonio.


“Muitas vezes a insatisfação com a aparência pode fazer com que as pessoas deixem de sair de casa e realizar atividades que gostam. Um protocolo que reduz as rugas e as linhas de expressão no rosto é capaz de devolver a autoestima dessa pessoa, gerando confiança para voltar a eventos de convivio social o que melhora a saude fisica e mental”, finaliza Pitanguy.




Por assessoria de imprensa

Comments


bottom of page