top of page
  • Foto do escritorPará Comunica

Dicas para economizar e sair do vermelho

Ações simples podem ajudar as pessoas a gastar menos

Crédito da foto: Divulgação.

Poupar é essencial para aqueles que querem construir uma independência financeira. Mas isso pode ser algo bem difícil, especialmente em épocas como o fim e o início de um novo ano, quando as pessoas tendem a gastar mais. Além das festas como o Natal e o Ano Novo, o período geralmente concentra férias e despesas sazonais, como impostos sobre imóveis e veículos.

De acordo com uma pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) em parceria com a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) realizada no ano passado, apenas um a cada 10 brasileiros consegue pagar as despesas de início de ano; 22% não fazem planejamento financeiro para o período e somente 17% guardam ou investem dinheiro para estarem preparados para esses gastos.

Segundo o administrador e coordenador do curso de Administração da faculdade Pitágoras, Robson da Silva Morais, uma boa forma de se preparar é aprender como e onde economizar. Medidas diárias simples podem fazer uma grande diferença no final do mês, por exemplo.

“Um bom planejamento para as comemorações de Natal e réveillon é vital para quem quer iniciar 2022 com o orçamento controlado. Evitar gastos supérfluos, promover as festas de confraternização com despesas compartilhadas, reservar passagens com antecedência para evitar os preços sazonais abusivos, são ações, entre outras, que proporcionam uma economia relevante. Dessa forma, minimizam o impacto daquelas contas inevitáveis do início de ano tais como IPTU, IPVA e material escolar”, pontua.

Para ajudar quem tem dificuldade em organizar a vida financeira, a especialista lista 10 dicas simples:

  1. Organize todos os seus gastos e despesas em uma planilha ou caderno;

  2. Agende o pagamento de contas para a data seguida ao recebimento do salário;

  3. Avalie quais despesas podem ser cortadas;

  4. Defina um dia mensal de gasto “zero”, depois passando a ser quinzenal e semanal;

  5. Não se comprometa com gastos que superem seus rendimentos;

  6. Antes de comprar algo, reflita se realmente é necessário;

  7. Na hora de comprar, procure por descontos;

  8. Antes de ir ao mercado, faça uma lista;

  9. Faça a sua própria comida em casa sempre que possível;

  10. Dê preferências por alternativas de lazer gratuitas.



Por Assessoria de Imprensa.

bottom of page